Boletim – 828/11

* Sumario do boletim DFJUG # 828 enviado para 52.332 desenvolvedores Java
* Primeiro dia do Encontro Oracle dos lideres dos Grupos de Usuarios de 2011
* Informática para Concursos – Dirigido especialmente para área de TI
* Emprego Java (13)
*****************************************************************************/

Hoje 25.353  alunos participam dos cursos JEDI – www.dfjug.org/DFJUG/jedi/index.jsp

__| Primeiro dia do Encontro Oracle dos lideres dos Grupos de Usuarios de 2011 |__
Depois de uma tumultuada viagem de Brasilia por Lima e Miami, finalmente cheguei em San Francisco para o 2011 Oracle Users Group Leaders Summit (Encontro Oracle dos lideres dos Grupos de Usuarios de 2011. Digo cheguei porque minhas malas não, a ultima vez que as vi foi em Miami. Chegaram um dia depois de mim. To ficando lamentavelmente acostumado com isto, de tao comum que e’.

Mesmo sendo inverno o tempo aqui esta fazendo valer o ditado Sunny California (California ensolarada) pois ate’  os nativos estao impressionados. O tempo esta “quente”, não chove, durante o dia 19C e a noite cai para 9C. Eu nunca tinha visto isto acontecer, das outras vezes que aqui estive no mês de Janeiro. Realmente o tempo no planeta ta’ ficando louco.

Apesar do primeiro compromisso desta segunda ser a partir das 11 da manha, cheguei cedo no Oracle Conference Center (Redwood Shores, perto de San Francisco) e foi bom, pois rapidamente encontrei com o JP (John Paul) das Filipinas, um dos criadores do JEDI e em seguida chegou o Bruno Javaman, do SouJava, e conversamos boa parte da manha sobre a evolucao do JEDI no mundo (mais de meio milhao de alunos em varios paises) e as questoes do licenciamento que estamos analisando. O Bruno disse que escreveu sobre este assunto no blog dele em http://www.java.mn/2011/01/20/jugs-trademarks-copyrights-and-open-source/

Pontualmente comecou a sessao de abertura e tivemos uma sucessao de diretores e vice-presidentes da Oracle subindo ao palco e agradecendo os mais de 150 lideres de grupos de usuarios presentes. Tem gente do mundo inteiro, dos grupos da Oracle, pela primeira vez os grupos de Java (15 JUG Leaders)  e grupos de MySQL. Uma verdadeira torre de Babel, onde o Ingles, nos seus mais variados sotaques impera. Chega a ser engracado ver alemaes, holandeses, belgas, filipinos e brasileiros, namesma mesa, contando “causos” de seus JUG no almoco, em Ingles. Acho que o mais engracado e’ ouvir os diferentes sotaques, do que propriamente as historias narradas. BTW, “sutaque” de brasileiro e’ muito engracado.

Em rapida sucessao tivemos os vice-presidentes David Krauss, do Oracle Fusion GRC Applications, Cliff Godwin, do Product Development, Willie Hardie, do Database Product Marleting  e Steve Harris do Java EE Product Development. O mote da Oracle para a plataforma Java e’: Um ecosistema vibrante, que gere lucro, com custos baixos.

Coisa de gringo para não perder tempo, o almoco foi junto com as primeiras sessoes tecnicas. Voce ve uma apresentacao enquanto come um franco empanado e outra na salada ou na sobremesa. Já havia vivido isto na sede da Microsoft em Seatle, mas e’ bem diferente da forma como nos fazemos as coisas pois, geralmente, para nos, o almoco e’ momento de confraternizar e fazer contatos. Fica dificil manejar um garfo e uma caneta ao mesmo tempo para tomar notas. Mas, por aqui e’  jeito deles de fazer as coisas.

A mensagem bem batida aqui por todos, o tempo todo, sobre o processo de fusao da Sun Microsystems foi : Cometemos erros mas se estamos aqui e’ porque queremos aprender. Tive algumas boas conversas com alguns diretores e eles estao realmente nos ouvindo, com toda a paciencia do mundo. Estou impressionado.

Intervalo para troca de salas e cada tribo foi para a sua respectiva sala. A dos javaneses e’ a 102. Fui sentar junto com o JP, o Simon Ritter (que acabou de voltar para o mundo Java  depois de uma rapida passagem pela Nokia) e a Angela Caycedo, ambos palestrantes, que voces se lembram, com varias passagens pelo DFJUG.

A tarde foi dedicada a mostrar o roadmap de Java, sob o ponto de vista da Oracle, e o que já’  evoluiu depois do ultimo JavaOne.

Steve Harris disse que lamentava a decisao do grupo Apache de se retirar do Java Community Process – JCP e que a Oracle ia propor que a cadeira vaga fosse preenchida pelo JUG SouJava, de São Paulo, uma vez que o Bruno, desde o inicio do JCP, já vinha participando em carater pessoal sobre as decisoes que envolvem o futuro de Java. Para maiores detalhes leiam em http://blogs.oracle.com/henrik/2011/01/oracle_nominates_bruno_souza_of_soujava_to_jcp_ec.htmle tambem no blog do Patrick Curran em http://blogs.sun.com/pcurran/entry/jugs_and_the_jcp

A decisao de que o JavaOne continuara’ a acontecer em San Francisco mas, devido a importancia dos BRIC no cenario mundial, havera’ tambem JavaOne, anualmente, no Brasil, Russia, India e China. Somos a figurinha da vez !!!

Comentarios sobre a nova maquina virtual Java o OpenJDK, que tem apoio da Redhat, IBM e Apple. As novas JSR 334, 335, 336 e 337 para o Java SE 7 e 8. Coisa impressionante, 1 bilhao de desktops usando Java no mundo. São 75 milhoes de download da JRE por mês!

JavaFX estara’ suportando HTML 5 e JavaScript. A Oracle esta’ empenhada em liberar os controles da interface usuario do JavaFX como codigo aberto (Open Source),

JavaME: são 3 bilhoes de aparelhos telefonicos, 3 bilhoes de SIM cards e Blueray.

Java EE 6 como OpenSource para implementacoes comerciais. POJO como modelo de programacao, e a interoperabilidade baseado no modelo  Metro. O objetivo e’ diminuir o numero de classes javas envolvidas, diminuiu o numero de linhas de codigo Java e do XML,  tornando-a mais leve

Glassfish e’ estrategico para a Oracle

Apresentacao mapa de evolucao do servidor Glassfish Open Source 3.2. Java EE 7 vai rodar com o Glassfish. O maior assunto e’ que vai para a Nuvem (cloud), baseado em Java pesistence API 2.1 e JAX-RS 2.0.  Para maiores detalhes ver o blog que o Arun Gupta esta’  escrevendo, aqui do outro lado da sala. O Arun e’  um dos responsaveis pelo Glassfish e já aprensentou este tema em um dos nossos encontros do DFJUG.

Pausa, estou cancado. São quatro da tarde e to tonto de sono. Olho no relogio do meu laptop e vejo que são onze da noite no Brasil. Vou comentar com o Simon Ritter que esta’ ao meu lado e ele me mostra o relogio do laptop dele, que exibe uma da manha… em Londres. Ele brinca e diz: olha a quantidade de xicaras de café’ que tomei ate’ agora, so’ para ficar acordado. Tinha um monte na frente dele! Coisas de mundo globalizado que te obriga a viver em varios fusos horarios ao mesmo tempo.

Produtividade. Para a Oracle quem faz a escolha da IDE e’ o desenvolvedor. Tanto faz que seja Jdeveloper 11g, o Eclipse ou o  Netbeans. Cada um que escolha o seu, pois o importante e’ que cada um se sinta confortavel em desenvolver… Java.

Herick Stahl and Nicolas Lorain mostraramas estrategias para a Java SE, usando a JDK 7 e 8. Para maiores detalhes vejam o projeto Coin em JSR 334, que propoe pequenas alteracoes na linguagem Java, simplifica a codificacao do dia a dia dos desenvolvedores, colocando strings no Switch, por exemplo
Vejam tambem a JSR 292, que introduz a ideia de chamada dinamica do byte code, e aceita Jruby, Jython na JVM. Para Concorrencia e colecoes ver a JSR 166

Suporte da plataforma Java 7 para o Windows x86, Linux x86 (Oracle Linux, Red Hat 5.5,  SuSE  11x servers  e Ubuntu 10.04), Solaris x86/SPARK e Apache OSX s86.

JDK 8 fica para Outono/Inverno (daqui) de 2012, Stahl disse que e’ apenas uma proposta, mas existe tambem um plano B para o caso de nao conseguirem, porque a lista de desejos (wish list) da Oracle e’ bastante grande. Mas reforcou que querem fazer certo, porque definitivamente nao querem fazer M…

O pessoal interno tem falado muito durante o dia sobre o projeto HotRockit. E’ bom ficar de olho nesta nova fera.

As seis da tarde comecou a recepcao de boas vindas, com boa comida e o excelente vinho californiano. Boas conversas mas, estou pregado. Me arrasto para o hotel, como um “trem” qualquer e caio na cama exausto. Acho que to ficando velho para tantas emocoes. Bons sonhos.
/** Lista discussão do DFJUG e JEDI no www.grupos.com.br/grupos/dfjug ***/

__| Informática para Concursos – Dirigido especialmente para área de TI |__
A editora Ciencia Moderna lançou o livro : Informática para concursos – Dirigido especialmente para área de Tecnologia da Informação (Primeira edição, 2010)
Autor:  Anderson Maggio
Número de páginas: 432 pp.
Preço: 79,00
Assunto:Informática

Essa obra foi pensada e concebida exclusivamente para o profissional de TI que deseja ingressar na carreira pública e continuar fazendo o que gosta. Com abordagem didática e recheada de ilustrações, gráficos e planilhas, todos os cinco grandes grupos de conhecimento do setor (Fundamentos da Computação; Redes e Infraestrutura; Segurança da Informação; Sistemas e Programação; Governança de TI) foram consolidados para que o candidato consiga compreender os assuntos que ainda não detêm pleno conhecimento. Bons Estudos!

Sumário:
I. Fundamentos da Computação – 1; 1 – O Computador – 2; 2 – Organização e Arquitetura de Computadores – 8; 3 – Bits, Bytes e suas Representações – 73; 4 – Sistemas de Numeração e Aritmética – 75; 5 – Sistemas de Entrada e Saída – 85; 6 – Arquiteturas CISC, RISC e EPIC – 91; 7 – Armazenamento – 98; 8 – Backup – 115; 9 – Processamento Distribuído ou Paralelo – 123; II. Redes de Computadores – 133; 1 – Principais Conceitos – 134; 2 – Classificação das Redes – 136; 3 – Topologia – 137; 4 – Meios de Transmissão – 142; 5 – Equipamentos de Ligação de Redes – 149; 6 – Cabeamento Estruturado e Certificação – 154; 7 – Organizações Internacionais X Redes – 159; 8 – Modelo OSI – 160; 9 – TCP/IP – 178; 10 – Arquitetura Cliente/Servidor – 191; 11 – Internet, Intranet e Extranet – 194; III. Segurança da Informação – 203; 1 – Introdução e Alguns Conceitos – 204; 2 – Objetivos – 207; 3 – Principais Ameaças, Riscos e Vulnerabilidades – 208; 4 – Ferramentas de Segurança – 217; 5 – Política de S
egurança da Informação – 224; 6 – Criptografia, Assinatura e Certificação Digital – 230; 7 – IPSec (Protocolo de Segurança IP) – 239; IV. Análise e Programação – 243; 1 – Estruturas de Dados – 244; 2 – Estruturas de Controle – 251; 3 – Conceitos Básicos de Sistemas – 252; 4 – Desenvolvimento Estruturado – 260; 5 – UML – Noções, Modelos e Diagramas – 265; 6 – Orientação a Eventos – 279; 7 – Orientação a Objetos – 280; 8 – Ambiente de Desenvolvimento – 285; 9 – Normalização (Formas Normais) – 324; 10 – Dados Estratégicos – 327; 11 – Constraints SQL – 336; 12 – LDAP – 337; V. Gestão de TI – 339; 1– ITIL v.3 – 340; 2 – CMMI – 351; 3 – PMBOK – Gestão de Projetos – 359; 4 – Governança de TI – 371; Referências e Bibliografias – 383; Índice de Imagens – 391– 499

Mais informações em nosso site www.lcm.com.br
/** Lista discussão do DFJUG e JEDI no www.grupos.com.br/grupos/dfjug ***/

__| Emprego Java (13) |__
Tatiane Santana Pereira, tatiane.pereira@miranteinfo.com, do Recursos Humanos da  Mirante Tecnologia, www.miranteinfo.com escreve que a Mirante Tecnologia abre oportunidades para a vaga de: Desenvolvedor Java Swing

A Mirante Tecnologia e uma empresa de tecnologia de informacao, atuante no mercado ha 12 anos. Os principais focos da empresa sao a fábrica de software e consultoria. Tem como missao automatizar processos fornecendo solucoes de software proporcionando confiança no alcance dos resultados.

Conhecimentos exigidos: J2EE, Swing, Jboss, WebServices  e SQL Server

Desejavel: DB2, Flex  e Conhecimentos bancários

Carga Horaria: 40 horas semanais

Forma de contratacao CLT ou PJ com benefícios.

Interessados devem enviar o currículo para curriculos@miranteinfo.com sob o título “Selecao  Desenvolvedor Java Swing”
/***/

Roberta Ramos Castelo Branco, roberta.branco@foton.la,  Analista de RH   da Fóton® Informática S.A, www.foton.la, disse : Seguem oportunidades de trabalhos para divulgação

ANALISTA IMPLEMENTADOR (JAVA) – PLENO e SENIOR – Brasília
Perfil: Desejável graduação completa na área de TI; Conhecimento de Java, J2EE, JSF, Hibernate, JBoss, SQL, UML, POO e RUP; Desejável conhecimento de Linux/Unix.
Benefícios: Ticket Alimentação; Vale-Transporte; Plano de Saúde e Odontológico; Incentivo a certificação.

ARQUITETO/ PROJETISTA – Brasília e Belém
Perfil: Graduação completa na área de TI; Experiência como Analista de Sistemas; Conhecimento em diversas linguagens e arquiteturas de software; Conhecimento de ferramentas para modelagem visual; Conhecimento das Normas de Geração de Casos de Uso; Conhecimento de Java, J2EE, Struts, Hibernate, JBoss, SQL, UML, POO e RUP; Vivência em diversos projetos.
Benefícios: Ticket Alimentação; Vale-Transporte; Plano de Saúde e Odontológico; Incentivo a certificação.
/***/

Filipe Henrique S. Santos, filipe.santos@cts-tec.com.br, do CTS-Centro de Tecnologia de Software informa sobre duas Vagas no LAGO NORTE-DF:

Código: 130529

Cargo: Desenvolvimento/Programação

Faixa Salarial: DE R$ 2.001,00 A R$ 3.000,00

Requisitos mínimos: De 2 a 3 anos de experiência na área de desenvolvimento.

Responsabilidades: Manutenção corretiva e adaptativa de sistema.

Requisitos específicos : Java, .NET, J2EE, Swing, C#, WindowsForms, WebServices, SQL Server, Flex (desejável), DB2 (desejável) e Conhecimentos bancários (desejável)

Habilidades: Conhecimentos em Model-view-controller (MVC) e Capacidade de resolução de problemas,trabalho em equipe e sobre pressão.

Atitudes: Responsabilidade, comprometimento, liderança, senso crítico, pró-atividade automotivação, flexibilidade, disciplina e organização.

Outros:
Sistema operacional: Linux e Windows.
Desejável: Pl/sql.
Idioma: Inglês.

Oferecemos: Remuneração compatível com o mercado e plano de evolução salarial.
/***/

Patricia Andreolli, patricia.andreolli@caad.com.br, da Caad Tecnologia e Informática S/A oferece : Estou com vagas em aberto para profissionais Java (Pleno e Sênior). Temos vagas em São Paulo (Av. Paulista / Berrini), Cotia, Tamboré, Alphaville, Belo Horizonte.
/***/

Samille Cazetta Gebien, samille.cazetta@miranteinfo.com, Analista de Recursos Humanos da Mirante Tecnologia, www.miranteinfo.com, enviou esta oferta para Desenvolvedor Java Pleno

A Mirante Tecnologia e uma empresa de tecnologia de informacao, atuante no mercado ha 12 anos. Os principais focos da empresa sao a fábrica de software e consultoria. Tem como missao automatizar processos fornecendo solucoes de software proporcionando confiança no alcance dos resultados.

Experiencia:
– Experiencia com desenvolvimento Java web
– Experiencia com Hibernate
– Experiencia com JSF

Desejavel:
– Experiencia com JBoss Seam
– Experiencia com Struts

Carga Horaria: 40 horas semanais.
/***/

As vagas de emprego e/ou estagio oferecidas neste boletim do DFJUG são de inteira responsabilidade das pessoas e/ou empresas que as submetem. O DFJUG
apenas as repassa da forma como são recebidas, por acreditarmos que se trata de prestação de serviço para a comunidade Java.
/** Lista discussão do DFJUG e JEDI no www.grupos.com.br/grupos/dfjug ***/

__| Desistencia |__
Caso voce nao queira mais continuar recebendo este informativo envie um e-mail para daniel@dfjug.org, e digite no campo Assunto (Subject) a palavra RETIRAR. Para informacoes adicionais acesse www.grupos.com.br/group/dfjug. Obrigado.
/** Lista discussão do DFJUG e JEDI no www.grupos.com.br/grupos/dfjug ***/

Sempre e importante ressaltar que o DFJUG e’ patrocinado pelo Instituto CTS – www.cts.org.br, que nos fornece todo o apoio logístico, administrativo e jurídico que nosso grupo necessita para realizar seus projetos tecno/sociais. Abraços a todos e bons códigos !!!

Daniel deOliveira
JUG Leader / Founding Java Champion
Brasília Java Users Group
daniel@dfjug.org
www.dfjug.org
Brasil